Avançar para o conteúdo principal

Liberdade de Expressão

Tenho a liberdade debaixo do braço,
ando com ela para cá e para lá.

Por vezes balanço-a e voo
numa felicidade libertadora.
E lá de cima grito o que quero,
critico o que me apetece,
odeio por palavras a quem não gosto
e amo por gestos e por letras montadas.
Luto por tudo a que tenho direito,
e se os direitos que tenho não me chegam
grito mais alto e protesto.
De livre vontade estou inconformada,
grito sem me sentir amedrontada.


Tenho debaixo do braço a prenda que me deram.

A prenda que a vida dá igual para todos.
Dádiva que um dia nos quiseram tirar
e que à força nos prenderam.
Mas a liberdade tem vida própria
e nos cravos se encantou.
Deposito na minha boca, arma da democracia,
os cravos da alegria.
E com o vento a bater-me nas costas
rezo em voz alta pelo que acredito...
Viva a Autonomia...
Viva a Liberdade...
Viva a Democracia...

Vitor Nunes

Comentários

Manuela Bravo disse…
Olá, "Grupo de Teatro"!
A Liberdade foi a Prenda mais bonita, que recebi no dia 25 de Abril de 1974.
Eu ainda era adolescente, mas sabia que a nossa forma de vida era urgente transformar.
1974, reduzido a forma geomântica, dá 3, símbolo da Trindade, da Liberdade, do movimento e da criatividadee está ligado á expansão.
E a interacção entre Pessoas, fêz que Abril acontecesse de uma forma tão Maravilhosa, Criativa e Inteligente.
E o nosso Povo, de alegria, converteu aquele dia, numa Revolução de belos Cravos.
Eu tinha 16 anos. morava em Queluz....e voei para Lisboa, enquanto o meu irmão, gritava todo contente: "Já tenho um Feriado no dia dos meus anos!".......
Ele completava 12 anos.
25 de Abril de 1974!
Numerológicamente falando, foi um dia universal "5":
e aconteceu a Mudança, o uso da Inteligência, a Transformação ....e a Liberdade.
Volvidos 32 anos, verifico existirem pessoas que, não sabendo o que era o Antes nas nossas vidas, reclamam o passado tenebroso
que vivêmos, mas sabemos não querermos mais.
Elas não sabem, nem "sonham" o quanto era dificil exprimirmos Arte e Beleza...
Nesse dia tão mágico,
aconteceu Poesia:
Por isso eu subscrevo:
Viva a Autonomia!
Viva a Liberdade!
Viva a Democracia!
Porque eu também acredito!
Recebam toda a minha amizade.
Um abraço.
Manuela Bravo

Mensagens populares deste blogue

Peça de Natal "Os Espíritos de Natal"

Faltando menos de três meses para o Natal, começa a procura de textos, versos, canções para a quadra natalícia. Num outro blog que tenho http://bluestrassbychristmas.blogspot.pt, tenho lá um texto escrito por mim. Ao fazer a pesquisa no Google por "Peça de Teatro de Natal" congratulo-me de dizer que a minha página é a segunda mais procurada. Logo achei por bem, colocar aqui também a dita peça, uma vez que este cantinho trata de partilha de opiniões, de textos teatrais.
Este ano não é excepção, a dita peça vai estar disponível em ambos os blogs, sem que qualquer grupo ou particular tenha que pagar direitos de autor. Esta é a minha única peça colocada na íntegra na Internet.
Podem usá-la, apenas agradecia um email para sandra.cabacos@gmail.com ou deixando um comentário aqui, com indicações de que a vão fazer... não é pedir muito, pois não?? Também não vale a pena virem comentar que a história não é original, que as canções não são minhas, a minha única resposta será que escrev…

João Rodrigues - The Interview

Por fim, mas não menos importante que os anteriores entrevistados, está o Sr. João Rodrigues, o meu primeiro encenador. Sim, este senhor foi o responsável pela minha ida para o Teatro, os primeiros passos foram dados sobre a sua mão. Com ele aprendi o saber estar em palco, aprendi a dar valor ao Teatro.
Numa outra ocasião também já falei do que fez, podem sempre espreitar aqui:http://conscienciasteatrais.blogspot.pt/2007/05/quem-somos.html


O Sr. João que esteve afastado destas lides uns tempos, voltou de novo em grande forma aos trabalhos teatrais, sendo novamente encenador do Grupo de Teatro do Grupo Bandolinistas 22 de Maio da Idanha, estando já a ensaiar uma peça, com estreia para breve.
Quanto à entrevista, aqui fica:




Consciências Teatrais - O que significa o Teatro para si?
João Rodrigues - O Teatro! É um enorme contributo para a valorização cultural e social do desenvolvimento da pessoa humana, quer na escrita ou na representação, dando por isso, um sentido verdadeiro à vida.

C. T.- …

"Eu cá nunca fiz Teatro!"

Image in http://flyingshoesstudio.blogspot.pt/

"Eu cá nunca fiz Teatro! Não tenho jeito para isso."

Isto é o que dizem muitas pessoas, não tendo noção na realidade, o quanto somos actores durante toda a nossa vida. Toda a vida nós passamos por momentos em que de uma maneira ou de outra nós somos actores e actrizes mesmo inconscientemente. Sempre que falamos, sorrimos, acenamos, beijamos alguém pela qual nós não nutrimos uma simpatia profunda, estamos a ser actores...

Definição de actor: "Sujeito que interpreta determinado papel ou guião, representando, ou incorporando certa personagem (...) Pessoa dissimulada ou fíngida."in/http://www.lexico.pt

Um actor que estuda, se prepara para apresentar um peça de Teatro, defronta-se com mais ou menos dificuldades em criar a figura que lhe foi confiada. 
Como criar por exemplo uma personagem de um esquizofrénico? Pesquisa-se, tenta-se falar com alguém que o seja (se bem que …